Flávio Bolsonaro parabeniza Polícia Civil por ‘eliminação do miliciano Ecko’

Flávio Bolsonaro parabeniza Polícia Civil por ‘eliminação do miliciano Ecko’

O senador Flávio Bolsonaro parabenizou a Polícia Civil após operação deste sábado, dia 12, que culminou na morte de Wellington da Silva Braga, o Ecko, que era até então o maior chefe da milícia no Rio.

“Parabéns aos Policiais Civis do Rio pela eliminação do miliciano ‘Ecko’, que nunca foi policial e era o mais procurado do país! Todo respeito e apoio incondicional aos verdadeiros Policiais de todo o Brasil!”, escreveu Flávio em seu perfil do Twitter, em que também postou uma foto dos agentes que atuaram na Operação Dia dos Namorados, realizada na comunidade Três Pontes, em Paciência.

A manifestação difere da feita pelo senador após a morte de outro miliciano, Adriano da Nóbrega, ex-policial militar apontado como integrante do esquema da “rachadinha” no antigo gabinete de Flávio na Assembleia Legislativa. Na ocasião, ele levantou suspeita de execução extralegal.

Ecko foi morto na casa de parentes em Paciência, zona oeste do Rio de Janeiro. Durante o monitoramento telefônico dele e de seus parentes, a polícia identificou que o miliciano visitaria a mulher neste Dia dos Namorados – data que batizou a operação.

Em fevereiro do ano passado, quando Adriano morreu numa operação policial na Bahia, o senador teve comportamento distinto. Ele afirmou ter recebido informações de que o ex-PM, filho e ex-marido de duas ex-assessoras suas, fio “brutalmente assassinado”.

“DENÚNCIA! Acaba de chegar a meu conhecimento que há pessoas acelerando a cremação de Adriano da Nóbrega para sumir com as evidências de que ele foi brutalmente assassinado na Bahia. Rogo às autoridades competentes que impeçam isso e elucidem o que de fato houve”, escreveu o senador na ocasião.

 

 



Compartilhe

Comente

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .