Cantor e compositor Arlindo Paixão, o Mongol, morre vítima da covid  – Entretenimento

Cantor e compositor Arlindo Paixão, o Mongol, morre vítima da covid  – Entretenimento


Morreu na terça-feira (11), aos 64 anos, vítima da covid-19, o cantor e compositor Arlindo Paixão, mais conhecido no meio artístico como Mongol. O artista estava intubado no hospital da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro. 


Uma mensagem deixada nas redes sociais do cantor e compositor Oswaldo Montenegro, parceiro musical e amigo de infância de Mongol, lamentou a perda do colega. “Mongol se foi. Oswaldo não tem como falar. Perdeu o menino com quem sonhou a vida desde os oito anos de idade. Não tem nem o que, nem como dizer. Nada. Oswaldo está em silêncio”, informou a amiga Madalena Salles. 



Juntos, Mongol e Oswaldo fizeram letras como Agonia, Sempre Não é Todo o Dia, A Vida Quis Assim



Compartilhe

Comente

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .