“Não cabe mais preconceito no país”

“Não cabe mais preconceito no país”

O presidente nacional do DEM, ACM Neto,  preferiu não comentar sobre questionamentos que vem recebendo de políticos à direita desde a criação do Democratas Diversidades, proposta  que busca elaborar políticas públicas de inclusão de minorias políticas e econômicas, como o público LGBT.

Em entrevista à TV Aratu na manhã desta quinta-feira, 15, o ex-prefeito de Salvador resumiu-se a dizer que não cabe mais “preconceito” no país. Neto foi questionado sobre um tuíte postado pelo vereador Alexandre Aleluia, criticando o movimento do DEM.

“A pauta LGBT foi criada pela esquerda para dividir a sociedade e fazer com que a política ardilosamente se aproveite do ressentimento. Isso não tem nenhum compromisso com o partido que me elegi. Isso está muito mais próximo do PSOL”, escreveu Aleluia no último sábado, 10.

Ponto de polêmica, a criação do projeto tem gerado cisões no DEM  e entre antigos aliados da sigla. O deputado federal Sóstenes Cavalcante, ainda do DEM, comunicou em uma lista de transmissão no último sábado que deve procurar outro partido. 

O pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, Silas Malafaia, indignado, teceu duras críticas contra a legenda e o ex-prefeito de Salvador. “O DEM é uma vergonha! Incluir agenda LGBT é o fim desse partido. Não vão conquistar votos, essa turma vota com a esquerda, vão perder votos. O velho ACM deve estar se revirando no túmulo. Nosso pessoal vai sair disso”, publicou em sua conta no Twitter.

 



Compartilhe

Comente

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .