Obras da ponte Salvador-Itaparica só começarão após vacinação de funcionários, afirma João Leão

Obras da ponte Salvador-Itaparica só começarão após vacinação de funcionários, afirma João Leão

O vice-governador do estado e secretário de Desenvolvimento Econômico, João Leão (PP), afirma que a ponte Salvador-Itaparica, grande obra da reta final da gestão do governador Rui Costa, só irá começar a ser levantada após a vacinação dos mais de 7 mil trabalhadores que atuarão na obra.

De acordo com o pepista, em entrevista para o programa Isso é Bahia, da rádio A TARDE FM (103.9), o abalo econômico sofrido nos cofres públicos com a pandemia não irá colocar a obra em xeque, já que a contrapartida do Governo do Estado, cerca de R$250 milhões, já está depositada em um fundo de garantia, mas seria irresponsável da parte da gestão pública colocar tantos trabalhadores juntos sem as medidas sanitárias adequadas.

“Você não pode começar uma obra onde iremos agregar 7 mil pessoas trabalhando sem que esteja todo mundo vacinado senão viveremos um cenário de contágio total. O governador Rui Costa, o prefeito Bruno Reis e todos os prefeitos da Bahia estão pensando nessa questão da vacinação. Ontem o governador participou de uma reunião virtual com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para discutir a compra da vacina pelos estados e precisamos avançar nisso. E para botarmos essa ponte para funcionar, precisamos vacinar a totalidade dos funcionários. Não vamos deixar nunca que 7 mil pessoas se juntem em um canteiro de obras sem imunização”, afirmou.

Leão traçou ainda outros projetos que a gestão estadual deverá implantar ainda neste ano de 2021, incluindo a implantação de polos têxteis e de usinas de álcool e açúcar no estado que juntos deverão ser responsáveis pela criação direta de 50 mil postos de trabalho.

“Estamos criando dois polos têxteis no Estado. Um em Luís Eduardo Magalhães e o outro em Dias D’Ávila. Esse segundo fizemos o esforço para colocar naquela região pois a previsão é que chegue a 10 mil empregos diretos e minimize os efeitos catastróficos da saída da Ford. A Bahia importa 80% do seu álcool e do seu açúcar e estamos querendo passar a produzir isso. Estaremos implantando 11 usinas novas de açúcar e álcool no oeste da Bahia e a primeira já vai ser inaugurada agora no dia 10 de julho. Mesmo com essa pandemia, estamos avançando e a expectativa é criar 50 mil empregos diretos com esse setor”, apontou.

PP nas eleições de 2022

Fortalecido após o resultado das eleições municipais de 2020, onde registrou o segundo maior número de prefeituras conquistadas com 92 eleitos, atrás apenas do também aliado da base governista PSD, que conquistou o Executivo de 107 municípios, o PP é um dos partidos cotados para encabeçar a chapa para o governo do estado na eleição de 2022, algo defendido inclusive pelo líder do partido no Congresso, o deputado Cacá Leão.

Apesar da expectativa de que João Leão seja o o escolhido da base do governo para a futura disputa, mesmo com o PT já tendo demonstrado a intenção de lançar o ex-governador Jaques Wagner para a contenda, o vice-governador se esquivou do assunto e reforçou a unidade que o partido possui na Bahia com o governador Rui Costa.

“Olha, aqui na Bahia nós temos uma aliança política com o PT, o PSD, o PSB e outros partidos aliados. Nós iremos manter essa aliança e não temos interesse nenhum em partir para novos caminhos. Estamos mostrando que isso deu certo com a mudança radical que ocorreu na Bahia e só não enxerga quem não quiser ver”, pontuou.

Confira a entrevista completa:



Compartilhe

Comente

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .