Em meio ao caos na saúde, prefeito de Feira troca secretário de Educação

Em meio ao caos na saúde, prefeito de Feira troca secretário de Educação

Feira de Santana atingiu a marca de 91% de ocupação dos leitos de UTI para a Covid-19. Com o cenário preocupante, o governo do estado teve que intervir e anunciou a abertura, a partir desta terça-feira, 24, de 10 novos leitos de Unidade Terapia Intensiva (UTI), no Hospital Geral Clériston Andrade.

Mesmo com a situação de emergência na saúde, o atual prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins (MDB), que está atrás do adversário Zé Neto (PT), nas últimas pesquisas eleitorais para o segundo turno, preferiu agir, só que em outro segmento, e exonerou o atual secretário de Educação, Justiniano França.

Para a vaga, nomeou a vereadora da cidade, Eremita Mota (PSDB).

O objetivo é dar fôlego para tentar reverter a posição desfavorável nas pesquisas e tentar a reeleição. A mudança na semana da eleição visa diminuir a vantagem de Ze Neto perante ao eleitorado da cidade. Vereador em Feira de Santana, Justiniano retorna à Câmara Municipal.

Taxas da Covid-19 na cidade

Atualmente, Feira de Santana possui 94 leitos ativos, sendo 45 de UTI. A média móvel na cidade aponta 109 casos diários. A taxa de ocupação dos leitos de UTI, só no Hospital Geral Clériston Andrade, chegou na última segunda-feira, 23, ao patamar de 73% com uma número alto de jovens internados em estado grave, sendo que 30% destes pacientes têm idade menor que 40 anos.

Os bairros que lideram o número de casos da Covid-19 na cidade são: Sim, Tomba e Mangabeira. Desde o começo da pandemia já foram 15.134 casos confirmados de infectados pelo coronavírus. É bom lembrar que os primeiros casos da doença na Bahia, no início de março, foram registrados em Feira de Santana.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!