Baía de Todos-os-Santos completa 519 anos e passa por requalificação

Baía de Todos-os-Santos completa 519 anos e passa por requalificação

Banhando Salvador e as cidades do Recôncavo Baiano, a Baía de Todos-os-Santos faz aniversário no dia 1º de novembro e completa 519 anos, desde que uma expedição comandada por Gaspar de Lemos, e que trazia o cartógrafo Américo Vespúcio, batizou-a com esse nome, em reverência à tradição católica de celebrar na data o Dia de Todos os Santos.

De acordo com informações da Secretaria de Comunicação (Secom), a região renova-se com obras de infraestrutura náutica que valorizam a vocação turística, cultural e histórica. As intervenções, em número de 12, estão distribuídas em localidades estratégica que permitem uma roteirização náutica confortável e mais segura para uma melhor apreciação da costa litorânea.

Na capital baiana, as obras acontecem no Solar do Unhão (Avenida Contorno), que abriga o Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA), está sendo reconstruído o atracadouro, que ganha estrutura moderna.

A marina da Penha, na Ribeira, é outra localidade de Salvador que está passando por requalificação. São 96 vagas secas e 48 molhadas. Haverá também um restaurante avarandado e píer flutuante.

Segundo a Secom, outras intervenções espalham-se por cidades do Recôncavo Baiano como Salinas da Margarida (base náutica), Jaguaripe (atracadouro) e o distrito de Mutá (atracadouro), Maragojipe (terminal turístico), Bom Jesus dos Passos (terminal turístico) e Cachoeira (terminal turístico).

“Todas estas obras irão valorizar ainda mais a Baía de Todos-os-Santos, uma zona turística que, pela sua beleza e riqueza histórica, merecia uma infraestrutura melhor para atrair mais embarcações e mais visitantes”, afirmou o secretário estadual do turismo, Fausto Franco.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!