Por que ainda não existe vacina contra o HIV?

Por que ainda não existe vacina contra o HIV?

Os cientistas vêm trabalhando durante muitos anos em uma possível vacina contra o vírus HIV, com o objetivo que esta imunize toda a população mundial. Apesar dos esforços e dos significativos avanços que tiveram durante as últimas décadas, ainda é incerto dizer quando de fato se terá uma vacina eficaz.

A complexidade do ciclo do HIV no organismo dificulta os estudos. Uma de suas características é a sua alta adaptação, podendo alterar seus componentes e se tornar irreconhecível. Por conta desta dificuldade, os cientistas atuam tanto na área preventiva quanto no tratamento daqueles que já possuem o vírus.

“Este é um vírus extremamente desafiador e estamos falando de um tema que vem preocupando a humanidade há bastante tempo”. Portanto, ele sendo um vírus que acaba atacando os mecanismos de defesa natural do organismo, é muito desafiador a criação de um tratamento definitivo. Assim como também é desafiador a criação de medicamentos que sejam necessários para o controle da carga viral e para o próprio sistema imunológico do paciente”, disse o neurocirurgião Fernando Gomes em entrevista para a CNN Brasil.


Leia mais: Insônia e seus impactos na saúde física e mental


 Vacina contra o vírus HIV que está em fase de testes (Foto: Reprodução/SuperInteressante)

 Estudo para a vacina Uhambo, conhecida oficialmente como HVTN 702, contra o vírus HIV que estava em fase de testes no início do ano na África do Sul, porém não obteve sucesso. (Foto: Reprodução/SuperInteressante)


Como o vírus do HIV age no nosso organismo?

 O HIV é transmitido através do contato estreito com um líquido corporal que contenha o vírus ou células infectadas com o vírus (como sangue, sêmen ou líquidos vaginais). O HIV é um vírus inteligente, que ataca e sequestra as células T, importantes componentes do sistema imunológico, usando suas proteínas para se reproduzir. Isso destrói a células e possibilita que o vírus se espalhe pelo hospedeiro criando cópias de si mesmo.

AIDS e HIV são a mesma coisa?

Não. De acordo com o Ministério da Saúde, a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (Aids) é causada pelo vírus HIV, mas existem pessoas vivendo com HIV que vivem durante anos sem apresentar sintomas ou desenvolver a doença. Ainda assim, elas podem transmitir o vírus a outras pessoas. A AIDS é a forma mais grave de infecção por HIV.

Segundo o Ministério da Saúde, ainda não há cura para a AIDS. Apesar disso, diversos avanços nos últimos anos têm permitido que as pessoas vivendo com HIV levem uma vida normal, com baixos riscos de morte em razão da doença. De qualquer forma, a AIDS ainda é uma doença muito séria, que exige tratamento e acompanhamento médico pelo resto da vida da pessoa infectada.

(Foto Destaque. Vírus HIV. Reprodução/Freepik)



Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!