servidor responsável por fraudes no INSS é afastado das funções

servidor responsável por fraudes no INSS é afastado das funções

O servidor público do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), alvo de mandado de busca e apreensão, durante a operação Contrassenha, na manhã desta quarta-feira, 23, em Salvador e na cidade de Catu, foi afastado das funções, a pedido da Justiça. A informação foi divulgada, em coletiva virtual, às 10h, pelo delegado da Polícia Federal (PF) na Bahia, Breno Freire Diniz.

A ação conjunta da PF e Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, do Ministério da Economia, de combate a fraudes no INSS, cumpriu seis mandados de busca e apreensão, sendo cinco na capital baiana.

>> PF deflagra operação contra fraudes no INSS em Salvador e no interior

De acordo com o delegado, foram apreendidos documentos e mídias em imóveis e escritórios localizados na avenida Paralela, Centro e em um condomínio de luxo em Jaguaribe. Segundo a Polícia Federal, o servidor era lotado na agência da Previdência Social, nas Mercês.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!