PSB e Podemos devem comandar secretarias do PDT e PL na gestão estadual

PSB e Podemos devem comandar secretarias do PDT e PL na gestão estadual

PDT e PL devem ser afastados do primeiro escalão da gestão do governador Rui Costa. As conversas vêm de interlocutores sobre o alinhamento para que as siglas PSB e Podemos, da base aliada, comandem as secretarias, que estão sendo dirigidas pelo PDT e PL, que passaram a apoiar a candidatura de Bruno Reis (DEM) à prefeitura de Salvador. Lembrando que Rui Costa bancou o nome de Denice Santiago (PT) para o pleito.

O ajuste ainda não tem data definida. O PSB de Lídice da Mata vai ficar com a Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (Seagri) do PDT. O atual secretário, Lucas Costa, é engenheiro agrônomo mineiro e foi indicado Félix Mendonça Jr., presidente estadual do PDT.

A Secretaria Estadual de Turismo, que está atualmente com o PL, vai ser transferida ao Podemos, do deputado federal Bacelar. O atual secretário é o empresário Fausto Franco (PL), ligado ao deputado federal José Rocha.

Estas mudanças são dadas como certas, por enquanto, nos cargos do primeiro escalão. O filho do presidente estadual do PL José Carlos Araújo, Samuel Araújo, gere a Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb).

Questionado sobre mudanças no governo após a debandada do PDT e do PL,

Rui Costa (PT), ao ser questionado sobre o fato, afirmou queo trabalho vai ser de forma a não criar atrito com as bases. Rui falou sobre o assunto durante vistoria da ponte que está sendo construída no município de Barra, pelo governo do estado. Esta foi a viagem 600 de Rui pela Bahia.

Dentro do PL , fontes confirmam que o apoio a Bruno Reis causo impacto minúsculo dentro da sigla. No interior da Bahia, o PL,junto com o PDT, mantém alianças com o PT para a disputa das eleições de 2020.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!