Rui cobra responsabilidade de candidatos em campanhas eleitorais

Rui cobra responsabilidade de candidatos em campanhas eleitorais

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), pediu nesta sexta-feira, 18, “equilíbrio e cabeça no lugar” para os candidatos, solicitando que evitem aglomerações na campanha eleitoral, em um período de pandemia de Covid-19. De acordo com ele, é possível atos de eleições respeitando as restrições sanitárias recomendadas por autoridades de saúde.

Com isso, ele cobrou responsabilidade dos candidatos e citou que caberá a Justiça Eleitoral tomar atitudes, caso observe medidas preventivas sendo desrespeitadas.

“Nós temos 417 cidades na Bahia. Pelo o que eu observei e pelas informações que chegaram, eu diria que, no máximo, tivemos 20 cidades com comportamento indevido e colocando a população em risco. Nós não queremos e não devemos restringir nenhuma atividade eleitoral, e não precisa”, afirmou Rui, ao visitar o município de Barra.

Ele esteve em reunião com o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), o Ministério Público da Bahia (MP-BA) e com a União dos Municípios da Bahia (UPB) para debater medidas necessárias para a realização das campanhas no estado. O governante, inclusive, sugeriu que tanto o MP, como os juízes eleitorais, se reúnam com os candidatos e realizem um “pacto” para garantia do cumprimento das medidas.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!