Governo de Vizcarra recorre ao Tribunal Constitucional do Peru para conter impeachment | Mundo

Governo de Vizcarra recorre ao Tribunal Constitucional do Peru para conter impeachment | Mundo

O governo do presidente Martín Vizcarra recorreu ao Tribunal Constitucional do Peru, nesta segunda-feira (14), para paralisar o processo de impeachment contra o chefe do executivo, segundo a agência France Presse. O processo de destituição, aberto na semana passada, deve ser votado pelo Congresso na sexta-feira (18).

“Procedeu-se à apresentação da demanda de competência do Poder Executivo contra o Congresso. Existe um uso indevido do Congresso da faculdade para declarar a ‘incapacidade moral’ do presidente”, disse o procurador de temas constitucionais do Ministério de Justiça, Luis Alberto Huerta.

A tentativa liderada pela oposição para remover o presidente peruano perdeu força no domingo (13). César Acuña, chefe do segundo maior partido no Congresso e possível candidato nas eleições presidenciais de 2021, disse que uma derrubada de Vizcarra “só poderia agravar” a situação atual do país, já fragilizado pelo impacto da crise provocada pelo novo coronavírus.

O partido de Acuña deu votos importantes na sexta-feira (11) para iniciar o processo de impeachment contra Vizcarra depois do vazamento de áudios que, segundo parlamentares, mostram o presidente tentando minimizar a relação que tem com um cantor investigado por conta de contratos com o governo.


Veja mais informações em instantes.


Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!