Testemunhas dizem que opositora foi presa em Belarus | Mundo

Testemunhas dizem que opositora foi presa em Belarus | Mundo

Diversas testemunhas afirmaram que Maria Kolesnikova, importante figura da oposição em Belarus, foi detida nesta segunda-feira (7). O anúncio foi feito pela sua equipe de campanha em um momento em que aumenta a repressão aos críticos do presidente Alexander Lukashenko, de acordo com a agência France Presse.

Maria Kolesnikova, que integra o “conselho de coordenação” da oposição, criado para preparar o caminho para uma transição política no país, foi uma das poucas opositoras que não partiu para o exílio. Ela é alvo de um processo judicial.

Os depoimentos obtidos pelos colaboradores de Kolesnikova indicam que ela foi levada nesta segunda por homens não identificados em um carro. Ela não responde a seu telefone.

Mais de 600 detidos no domingo

Manifestantes protestam contra reeleição do presidente de Belarus. Cores vermelha e branca representam a oposição ao governo. — Foto: Associated Press

O ministério do Interior de Belarus informou nesta segunda-feira que 633 pessoas foram detidas “por infringir a lei” durante o grande protesto da oposição de domingo (6). Este é o maior número de detidos durante uma manifestação da oposição desde o início dos protestos, que começaram após a polêmica reeleição de Lukashenko em 9 de agosto. A oposição acusa o governo de fraudar o resultado da votação.

Apesar da grande presença das forças de segurança, mais de 100 mil pessoas saíram às ruas do centro da capital, Minsk, no domingo, quarto fim de semana consecutivo de mobilização.

5 pontos para entender a crise em Belarus

5 pontos para entender a crise em Belarus

Crise em Belarus — Foto: Juliane Monteiro/ G1


Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!