E-book gratuito aborda perspectivas e multiáreas do Direito

E-book gratuito aborda perspectivas e multiáreas do Direito

O perfil do profissional de direito está mudando e, antes mesmo de se fazer a escolha pelo curso de graduação, é preciso estar atento às múltiplas possibilidades de atuação. Esta é a proposta do e-book “Perspectivas da Carreira Jurídica: O Que Fazer Durante e Depois da Faculdade de Direito”, da assessora jurídica Mariana Almeida, que, segundo a autora, busca mostrar que não há um padrão, um perfil de estudante de direito e profissional da área.

“Além de advogar e fazer concurso, existe uma série de outras possibilidades, como carreira acadêmica. Logo após o curso de direito, a pessoa pode viajar em pós-graduações dentro e fora do Brasil, e, de repente, na docência, dando aulas. Existem jovens que estão contribuindo com seus depoimentos no e-book, que se especializaram e, hoje, oferecem monitoria e consultoria para auxiliar quem deseja ter uma experiência acadêmica ou profissional jurista no exterior”, contou em entrevista ao programa Isso é Bahia, na rádio A TARDE FM, na manhã desta sexta-feira, 4.

Para ilustrar o exemplo acima, ela citou a experiência de um colega de graduação que fez mestrado na Suíça e, atualmente, trabalha em uma agência da Organização das Nações Unidas (ONU). “Os caminhos são muito variados. A carreira não precisa seguir aquele padrão tradicional. É importante dizer que existem outros caminhos e que estes caminhos são possíveis”, afirmou.

Saturação

No mês de julho de 2019, o Brasil ultrapassou a marca de 1.670 faculdades de Direito. São muitas instituições e, consequentemente, muitos profissionais sem ocupar um lugar no mercado de trabalho, que não consegue absorver o volume de novos formandos. Entre as possibilidades de atuação sugeridas por Mariana Almeida, ainda no período da faculdade, estão: monitorias acadêmicas, parcerias de estágio, atividades de iniciação científica e atividades de extensão, como serviço de assistência jurídica aos vulneráveis.

“O que falta muitas vezes é o interesse dos estudantes e estímulo para que eles desenvolvam outras atividades. Os estudantes nem entram no curso e já pensam em fazer concurso”, criticou.

Competências profissionais

Então, quais habilidades o profissional do direito deve desenvolver para estar preparado para o mercado cada vez mais competitivo e exigente? A assessora sugere alguns itens para se destacar na área. “É imprescindível que o profissional do direito tenha clareza e persuasão; comunicações oral e escrita, que precisa ser desenvolvida e aprimorada diariamente; ser resolutivo, ou seja, aquela atuação tem que ter como objetivo a resolução de problemas práticos, ainda que seja uma pessoa que atue na academia; e o mais importante: o constante aprimoramento e atualização”.

Ela explicou que todos os dias são publicadas leis novas, são proferidas decisões modificando os entendimentos anteriores. “É preciso continuar estudando e se atualizando. Não cabe comodismo nesta área”, concluiu.

O e-book “Perspectivas da Carreira Jurídica: O Que Fazer Durante e Depois da Faculdade de Direito” está disponível para download gratuito neste link.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!