Vídeo mostra ação policial que resultou na morte de um homem negro em supermercado da Califórnia | Mundo

Vídeo mostra ação policial que resultou na morte de um homem negro em supermercado da Califórnia | Mundo

Um vídeo divulgado nesta sexta-feira (4) mostra o momento em que um policial da Califórnia atirou em um homem negro dentro de um supermercado. A ação aconteceu em 18 de abril e resultou na morte de Steven Taylor, mas apenas agora as imagens foram liberadas.

O autor dos tiros, identificado como o policial Jason Fletcher, foi indiciado nesta sexta e vai responder na justiça por homicídio doloso. A promotora do caso disse em entrevista coletiva que Taylor não representava uma ameaça aos clientes da loja ou ao agente quando foi baleado.

Nancy O’Malley explicou que um segurança da loja teria chamado a polícia após Taylor tentar sair sem pagar com um taco de beisebol e uma barraca de camping. Imagens feitas com um celular mostram Taylor em pé na área do caixa quando Fletcher se aproxima e tenta retirar o taco de suas mãos.

Vídeo mostra ação policial que resultou na morte de um homem negro em supermercado da Califórnia — Foto: Reprodução/NBC

O agente de polícia carregava uma câmera acoplada a seu uniforme, com ela é possível ver que quando Taylor se afasta, Fletcher saca uma arma de choque e atira contra ele. Segundo a promotoria, Taylor ficou “claramente” atordoado depois do choque.


Na sequência, é possível ouvir gritos de alguns clientes dizendo “se abaixe, se abaixe”, antes de Fletcher atingir Taylor no peito, agora com uma arma de fogo. Nesse momento registrado em vídeo, Taylor solta o taco antes de cair no chão. Ele morreu no local.

O advogado da família, Lee Merritt, disse a rede NBC que Taylor passava por uma crise psicológica durante a abordagem: “Foi um rompimento involuntário com a realidade. Ele precisava de ajuda e recebeu essa brutalidade.”

Vídeo mostra ação policial que resultou na morte de um homem negro em supermercado da Califórnia — Foto: Reprodução/NBC

O advogado do agente Fletcher disse em entrevista ao jornal “San Francisco Chronicle” que a denúncia era improcedente e que “é certo que em um tribunal do júri o caso será resolvido rapidamente”.

A divulgação destas imagens ocorre em meio ao debate sobre a violência policial e o racismo nos Estados Unidos. O país vive uma onda de protestos desde a morte de George Floyd, em maio. Os atos ganharam novo impulso recentemente após policiais balearem sete vezes Jacob Blake pelas costas.

Nesta semana foi divulgado outro vídeo que mostra uma abordagem policial que terminou em morte nos EUA. Policiais colocam um capuz na cabeça de Daniel Prude, em Rochester, no estado de Nova York no dia 23 de março. Prude morreu um semana depois, em 30 de março, por asfixia.

Playlist: Notícias internacionais


Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!