Um Kennedy perde eleições no estado de Massachusetts pela primeira vez | Mundo

Um Kennedy perde eleições no estado de Massachusetts pela primeira vez | Mundo

Pela primeira vez, uma pessoa da família Kennedy perdeu uma eleição no estado do Massachusetts: Joseph Kennedy III, conhecido como Joe Kennedy, sobrinho-neto do presidente John F. Kennedy, reconheceu na terça-feira à noite (1) sua derrota nas primárias democratas por uma vaga de senador pelo estado.

Os resultados parciais indicam que, Joe, de 39 anos, perdeu para Edward Markey, de 74 anos. Ele admitiu a derrota, segundo um porta-voz da campanha disse ao jornal “Boston Globe”.

Joe Kennedy III aparece com lábios molhados e brilhando durante discurso

Joe Kennedy III aparece com lábios molhados e brilhando durante discurso

Kennedy já foi considerado uma estrela em ascensão do Partido Democrata. Inicialmente, parecia o favorito para derrotar Markey, que é representante do estado há 44 anos, sete deles como senador.

Joe Kennedy é deputado desde 2012. Ele se apresentou como um candidato mais próximo das famílias e das minorias que seu rival. Esses foram os mesmos argumentos que ajudaram vários jovens democratas a destronar velhos congressistas do partido nas primárias desde 2018.

Apoiado pela presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, Kennedy criticou Markey por seu longo período em Washington. Os ataques não afetaram o rival, sobretudo, porque as posturas dos dois candidatos eram muito similares.

Markey recebeu o apoio da ala mais à esquerda do partido, encarnada pela representante de Nova York Alexandria Ocasio-Cortez, com quem apresentou em conjunto o plano para um “novo acordo verde”, assim como de outra grande figura progressista, a outra senadora de Massachusetts, Elizabeth Warren.

Ele também se apresentou como o candidato “antiestablishment” contra um descendente de uma dinastia que nunca perdeu uma eleição em Massachusetts desde 1947.

Como Massachusetts é um reduto democrata, o vencedor das primárias tem praticamente garantida a cadeira no Senado nas eleições de novembro.

Kennedy rejeitou os ataques durante a campanha. Na terça-feira, ele declarou à AFP que não sentia nenhuma pressão relacionada ao sobrenome e aos antepassados famosos.

“Sempre que me candidatei a algum cargo, eu sempre disse, de maneira clara, que apenas eu estava na cédula. Meu pai, meu avô, seus irmãos e irmãs não têm nada a ver com isso, apenas eu”, afirmou.

A recente convenção democrata provocou o retorno das especulações sobre a possibilidade de que o neto do presidente assassinado, Jack Kennedy Schlossberg, inicie uma carreira política.

O jovem de 27 anos apareceu rapidamente ao lado da mãe durante um pedido de voto em Joe Biden. Ele fez referência a uma frase famosa do avô: “Nós podemos alcançar novas fronteiras, mas apenas com um presidente que pergunte o que ele pode fazer por nosso país”, disse Schlossberg.


Compartilhe
Comente

Siga-me no Instagram @dumleao

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!