Primeiro cruzeiro a retomar viagens turísticas na Noruega registra surto de Covid-19 na tripulação | Coronavírus

Primeiro cruzeiro a retomar viagens turísticas na Noruega registra surto de Covid-19 na tripulação | Coronavírus

Quatro tripulantes de um navio de cruzeiro norueguês foram diagnosticados com o Covid-19 depois que ele chegou ao porto de Tromsoe, no Ártico, no início da sexta-feira (31), informou o Hospital Universitário do Norte da Noruega, onde estão sendo tratados.

Todos os 160 tripulantes do Roald Amundsen ficaram em quarentena no navio, enquanto os 177 passageiros – todos já desembarcados – estão sendo contatados por telefone e instruídos a se auto-isolarem, disse a operadora Hurtigruten à agência de notícias Reuters.

“Quando fomos notificados, os passageiros já haviam deixado o navio”, disse em entrevista coletiva chefe de saúde da cidade portuária, Kathrine Kristoffersen. “Por enquanto, todos os passageiros foram solicitados a permanecer em quarentena.”

Infecção em navio japonês

Pequenas partículas suspensas no ar tiveram papel decisivo na transmissão da infecção pelo novo coronavírus em um navio de cruzeiro no Japão, que infectou mais de 700 pessoas no início deste ano, de acordo com estudo assinado por pesquisadores de Harvard.


Segundo o artigo, a transmissão pelo ar foi responsável por 59% dos contágios dentro da embarcação, e apenas 41% de todas as transmissões teriam sido feitas pelo contato com as gotículas de saliva. Para chegar a este número, os cientistas recriaram o surto em um computador e observaram os padrões nas taxas de contaminação.

O navio Diamond Princess foi apontada como um dos hot spots da epidemia ainda em fevereiro, quando poucos países confirmavam casos de Covid-19. Com mais de 3,7 mil passageiros, o navio chegou a ficar quase um mês de quarentena em um porto japonês.

Reportagem em atualização.


Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!