Espanha amplia restrições diante do aumento de casos de Covid-19 | Mundo

Espanha amplia restrições diante do aumento de casos de Covid-19 | Mundo

As autoridades regionais da Espanha estão ampliando as medidas de contenção da Covid-19, diante dos novos casos, com Múrcia (sudeste) proibindo o lazer, a partir da noite desta segunda-feira (20), em locais fechados, assim como reuniões com mais de 15 pessoas.

“Novas medidas para impedir a Covid-19: Proibição de entretenimento noturno no interior dos estabelecimentos. Somente varandas são permitidas. Máximo de 15 pessoas em reuniões”, disse o presidente regional de Múrcia, Fernando López Miras, no Twitter.

Múrcia, que também anunciou o fechamento de centros de lazer para idosos e restrições às visitas a esses locais em alguns municípios, é a última região a implementar medidas diante do aumento de casos de coronavírus.

A Espanha, um país bastante atingido pela Covid-19 com mais de 28.400 mortes oficialmente notificadas, mantém mais de 150 focos ativos. Eles são especialmente preocupantes nas regiões de Aragão e na vizinha Catalunha.


Pessoas são vistas na parte externa de um bar em Barcelona, na ​​Espanha, nesta sexta-feira (17) — Foto: Emilio Morenatti/AP

Neste último, as autoridades regionais decidiram, no domingo, estender aos municípios de Figueres, Vilafant e Sant Feliu de Llobregat a recomendação de ficar em casa e sair apenas se for imprescindível. A medida está em vigor desde a semana passada para cerca de 4 milhões de pessoas em Barcelona, Lleida e arredores, de acordo com o governo catalão.

No País Basco (norte), o governo regional anunciou, no fim de semana, o fechamento de centros diurnos para a terceira idade e restrições às visitas a lares para idosos.

Dada a aceleração das infecções – o Ministério da Saúde registrou quase 5.700 novos casos em uma semana na sexta-feira, em comparação com menos de 3.000 registrados uma semana antes -, quase todas as regiões da Espanha, com exceção principalmente de Madri, reforçaram o uso obrigatório de máscara, sob pena de multa, mesmo quando a distância física de segurança puder ser mantida.

O governo do socialista Pedro Sánchez garante que as regiões estão preparadas para enfrentar esses focos e descarta um novo estado de emergência, um regime excepcional que permitiu um confinamento rigoroso dos espanhóis de meados de março a 21 de junho.


Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!