Desembargador em Santos, engenheiro no Rio: veja casos de desrespeito e agressão por alerta para uso de máscara e contra aglomeração | Coronavírus

Desembargador em Santos, engenheiro no Rio: veja casos de desrespeito e agressão por alerta para uso de máscara e contra aglomeração | Coronavírus

Os casos de agressão contra fiscais, guardas e seguranças que orientam sobre uso de máscaras – acessório usado para evitar a propagação do novo coronavírus – e também contra aglomerações têm surgido em todo o país.

Enquanto estados e municípios estabelecem regras de uso da máscara com base na recomendação de infectologistas para frear a transmissão da Covid-19, quem tenta fazer valer a orientação enfrenta resistência.

Em ao menos um dos casos, no Paraná, houve disparo de tiro e uma pessoa morreu. Na França, um motorista de ônibus teve morte cerebral após ser agredido por impedir que passageiros entrassem no veículo sem máscara.

Desembargador humilha guarda

Desembargador humilhou GCM ao ser solicitado que ele usasse máscara em Santos, SP

Desembargador humilhou GCM ao ser solicitado que ele usasse máscara em Santos, SP

O caso mais recente envolve um desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo, que foi flagrado humilhando um guarda civil municipal de Santos, no litoral o estado, após ser multado por não utilizar máscara enquanto caminhava na praia.

Um vídeo obtido pelo G1 neste domingo (19) mostra Eduardo Almeida Prado Rocha de Siqueira chamando o guarda de “analfabeto”, rasgando a multa e jogando o papel no chão. Siqueira também aparece nas imagens ao telefone, dizendo que ligaria para o secretário de Segurança Pública do município, Sérgio Del Bel, para que ele “intimidasse” o guarda municipal.

‘Cidadão não, engenheiro civil’

Fiscais sofrem ataques ao reprimir aglomerações em bares do Rio; veja flagrantes

Fiscais sofrem ataques ao reprimir aglomerações em bares do Rio; veja flagrantes

No início de julho, uma mulher reagiu à abordagem de um fiscal da Prefeitura do Rio durante uma inspeção no fim de semana após a reabertura de bares na cidade. Em reportagem exibida no Fantástico, ela e o marido aparecem discutindo com o fiscal que apontou que o bar onde eles estavam não seguiu regras de higiene e distanciamento.

“Cidadão não, engenheiro civil, formado, melhor do que você”, disse a mulher, em frase que provocou repercussão nas redes sociais. Ela foi demitida da empresa em que trabalhava.

Um dia antes do flagrante, no Rio, outra fiscal já havia sofrido xingamentos e chegou a ouvir de um homem que seria demitida ao decidir que o local deveria ser interditado.

“Aí, aconteceu aquele coro. Nós pedimos pra ele [o gerente] interromper o fornecimento de alimentação e que começasse a fechar o estabelecimento para caracterizar que ele ia interromper as atividades, e pedimos que os garçons fossem encerrando as contas”, explicou a agente.

Comerciante idoso agredido

Idoso cai após ser ’empurrado’ por cliente que se irritou com pedido de uso da máscara de proteção em Catalão, Goiás, no final de junho — Foto: TV Anhanguera/Reprodução

Em Catalão, sudeste de Goiás, um comerciante de 76 anos foi agredido por um cliente após alertar o homem sobre a necessidade de usar a máscara dentro do estabelecimento. O idosos fraturou o fêmur e precisará ficar seis meses em uma cadeira de rodas até se recuperar.

Segundo a polícia, o agressor se irritou com o pedido do comerciante para que usasse máscara no estabelecimento e empurrou o senhor após os dois começarem uma discussão. Câmeras de segurança do bar mostram que, após o empurrão, o idoso caiu no chão e agonizou de dor.

Médico de Alfenas discute com funcionária da prefeitura que orientava sobre uso de máscara — Foto: Reprodução/ TV Globo

Em 9 de julho, um médico desacatou funcionárias da prefeitura de Alfenas que trabalhavam na barreira sanitária da cidade do Sul de Minas Gerais. “Eu moro aqui e você vai me impedir de andar aqui, palhaça?”, questionou o médico.

Máscara na cabeça em farmácia

Homem se recusa a usar máscara corretamente em farmácia de Itaquaquecetuba — Foto: Reprodução/Twitter

Em Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo, o cliente de uma farmácia se negou a usar a máscara. Vídeo que viralizou nas redes sociais mostra o homem no estabelecimento sem o acessório de proteção em 7 de maio. Após receber uma máscara de uma das funcionárias, ele a coloca na cabeça, dizendo que o decreto estadual que obriga o uso do item não diz onde teria de usar.

“Tem que usar a máscara? Eu tô usando. Agora eu posso pegar o meu produto? O decreto diz que eu tenho que usar a máscara, diz onde?”, questiona aos demais clientes.

Discussão e morte em supermercado

Cliente se nega a usar máscara em mercado, agride segurança e funcionária morre baleada

Cliente se nega a usar máscara em mercado, agride segurança e funcionária morre baleada

Em abril, um homem sem máscara tentou entrar em um supermercado, em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, e foi impedido pelo segurança do estabelecimento. Um decreto municipal obriga o uso de máscaras dentro dos estabelecimentos comerciais. Os dois entraram em uma discussão, e houve disparo de um tiro.

Uma funcionária do supermercado foi atingida e morreu no local. A mãe da vítima afirmou que “tudo estaria bem” se o cliente do estabelecimento tivesse aceitado usar o equipamento de proteção individual. O cliente e o segurança foram presos.

Porteiro é homenageado por condôminos em Barueri após ser destratado por morador

Porteiro é homenageado por condôminos em Barueri após ser destratado por morador

O porteiro de um condomínio em Barueri, na Grande São Paulo, foi insultado ao orientar um dos moradores sobre o uso obrigatório de máscaras de proteção contra a Covid-19 nas dependências do prédio.

No áudio enviado à administração do condomínio, o agressor usa palavrões e humilha o funcionário após ser advertido sobre a norma que orienta o uso da máscara de proteção.

“Se eu quiser sair sem máscara, eu saio sem máscara. Você não tem nada a ver com a minha vida. Você tem só que abrir o portão pra mim. Eu vou onde eu quiser sem máscara. Quero saber quem te deu o direito de me questionar? Você é o porteiro. Você não tem o direito de falar, uma vez que eu já dirigi a palavra a você. Eu não tenho amizade com você. Você é apenas um funcionário”, disse o agressor.

Homem é agredido por policial aposentado sem máscara

Promotoria de União dos Palmares vai apurar conduta de PM reformado

Promotoria de União dos Palmares vai apurar conduta de PM reformado

Em 7 de maio, um policial militar aposentado agrediu um homem que o questionou por estar sem máscara na rua em União dos Palmares, Zona da Mata de Alagoas. O uso da máscara se tornou obrigatório na cidade em 30 de abril por decreto da prefeitura.

O Ministério Público do Estado de Alagoas (MP-AL) informou que está apurando o caso e que solicitou à Polícia Civil que abra inquérito para investigar o agressor, já que o desrespeito às determinações do decreto estadual que também obriga o uso de máscaras pode ser enquadrado como crime contra a saúde pública.

Morte cerebral após agressão, na França

Em 6 de julho, um motorista de ônibus teve morte cerebral, na França, depois de ter sido agredido por pessoas que ele não permitiu que entrassem no veículo porque estavam sem máscaras. O uso do acessório é obrigatório nos transportes públicos do país para evitar a propagação do coronavírus. O caso aconteceu na cidade de Bayonne, sudoeste do país.

Em 12 de julho, o Fantástico debateu o porquê de as pessoas se recusarem a usar a máscara. Veja no vídeo abaixo:

Use a máscara: Fantástico debate o porquê de algumas pessoas insistirem em não colocar

Use a máscara: Fantástico debate o porquê de algumas pessoas insistirem em não colocar


Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!