Startup desenvolvida em universidade baiana ajuda ONGs por meio de QR Code

Startup desenvolvida em universidade baiana ajuda ONGs por meio de QR Code

Criada por alunos da UNIFACS, a startup SolidarEasy lançou a campanha Doa+. Através de desenvolvimento de QR Code próprio, doações são arrecadas e distribuídas entre 75 ONGs cadastradas. Este projeto acontece em parceria com a prefeitura de Salvador.

As Organizações Não Governamentais (ONGs) são registradas e vinculadas aos conselhos municipais competentes e podem ser encontradas no site onde as doações são feitas de forma similar a um financiamento coletivo. “O próprio doador pode escolher a ONG beneficiada e a melhor forma de efetuar o pagamento, via boleto ou cartão de crédito”, explica Nicholas Montenegro, fundador da SolidarEasy.

De acordo com ele, também há um sistema para sugerir ONGs para pessoas que não tenham um destino fixo para sua doação. Isso acontece graças a um QR Code desenvolvido pela startup, que faz a recomendação através de um “sorteio” entre as instituições cadastradas.

“Através de um único QR Code conseguimos contemplar todas as ONGs da campanha de forma justa. Ou seja, o mesmo QR Code pode ser utilizado mais de uma vez pela mesma pessoa ou por várias pessoas ao mesmo tempo, sempre sugerindo uma Organização diferente. Isso é um grande diferencial, por exemplo, se comparado aos tradicionais QR Codes de lives de artistas”, elucida Nicholas.

No site da campanha é possível encontrar a lista de favorecidos cadastrados, divididos por área de atuação: Crianças e adolescentes, idosos, pessoas em situação de vulnerabilidade, pessoas com deficiência ou ações afirmativas.

Até o momento 240 doadores estão envolvidos nesta iniciativa e foram arrecadados mais de R$11.500,00. Também é possível fazer o cadastro de novas organizações para recebimento de auxílio.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!