Doria prevê vacina contra Covid-19 aprovada até dezembro “se tudo correr bem”

Doria prevê vacina contra Covid-19 aprovada até dezembro “se tudo correr bem”

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), previu que, “se tudo correr bem”, até dezembro a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) poderá aprovar a CoronaVac, vacina desenvolvida pela farmacêutica chinesa de biotecnologia Sinovac, em parceria com o Instituto Butantan. A terceira fase de testes, com voluntários, será iniciada no dia 20 de julho.

“Sendo aprovada até dezembro, entre janeiro e março já teremos condições de aplicação da vacina”, afirmou o governador, em entrevista nesta quinta-feira, 9, ao A TARDE Conecta, transmissão do Grupo A TARDE.

A vacina será aplicada em 9 mil voluntários, em seis estados, incluindo a Bahia. Doria lembrou também que a Fiocruz produzirá a vacina da Universidade de Oxford.

“Ter duas vacinas em estágio avançado é um ganho para o Brasil. Não há nenhum outro país na América Latina nessa condição, inclusive podendo produzir vacinas para outros países”, destacou o governador.

Economia – Doria falou ainda sobre os planos para a retomada econômica. Em São Paulo, há um projeto em elaboração, chamado Retomada 21/22, de acordo com o chefe do Executivo paulista. “Será um programa robusto, que vai refletir em todo o Brasil”, disse.

“Não é um futuro remoto; é um futuro breve. Serão anos difíceis, mas de recuperação e oportunidade. Toda crise traz oportunidade. Essa não é uma frase de livro”, acrescentou

Ao comentar o fechamento de atividades em função da pandemia do novo coronavírus, o governador ressaltou que “não há economia sem vida”. “A pessoa sem vida não consome. Sei que é difícil, sobretudo para pequenos e microempresários, ou mesmo para ambulantes, mas não se pode colocar a economia à frente da vida. Aqui em São Paulo, a vida foi priorizada”, declarou.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!