Serviços ligados ao turismo têm quedas recordes na Bahia em abril, aponta IBGE

Serviços ligados ao turismo têm quedas recordes na Bahia em abril, aponta IBGE

As atividades de serviços ligadas ao turismo recuaram fortemente em 12 estados. Na Bahia, as quedas foram recordes na série histórica, iniciada em 2011: de -63,1% frente a março e de -72,6% na comparação com abril de 2019.

De acordo com estudo divulgado nesta quarta-feira, 17, pelo IBGE, o desempenho das atividades ligadas ao setor, em abril, ficou abaixo do verificado no país como um todo (-54,5% frente a março e -67,3% na comparação com abril/19).

A queda de março para abril no estado foi de -63,1%, a segunda mais intensa, acima apenas da verificada no Rio Grande do Sul, com -63,9%. Na comparação com abril de 2019, o resultado baiano foi o quinto pior.

Com o resultado de abril, os serviços ligados ao turismo na Bahia passaram a acumular queda de -19,1% no ano de 2020. O resultado, apesar de bem negativo, ainda está um pouco acima do nacional, que registrou -20,9%.

Nos 12 meses encerrados em abril, os serviços turísticos baianos também apresentam recuo acumulado de -5,2%, resultado bem próximo ao do Brasil como um todo: -5,1%.




Compartilhe
Comente

Dum Leão

dumleao

Acesse e confira produtos incríveis…
Participe desse experiência.
3Cs – Confira! Compre! Compartilhe!